segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019

"Acção Colonial": 1934


No número comemorativo do Acção Colonial: Jornal de Informação e Propaganda das Colónias publicado em 1934, o governador de Macau, António José Bernardes de Miranda, assina um artigo na página 7 intitulado "Macau e o seu futuro da economia da Nação".
Em resumo, neste artigo, o governador apresenta o contexto das dificuldades económicas de Macau em termos de comércio face a Hong Kong e apresenta como solução para o incremento do comércio do território, fazer de Macau uma porta de entrada para a China do restante "império colonial". 

A 1.ª Exposição Colonial (inspirada na Exposição Colonial de Paris, 1931) decorreu no Palácio de Cristal (Porto). Abriu ao público a 16 de Junho de 1934, após ter sido inaugurada, com pompa e circunstância, na noite anterior, numa sessão solene no Palácio da Bolsa do Porto em que esteve presente o Presidente da República, general Óscar Carmona. Entre os monumentos de que foram feitas réplicas estava o Farol da Guia (imagem abaixo).

Sem comentários:

Publicar um comentário