terça-feira, 1 de abril de 2014

Parece mentira...

Mas é verdade...
Na edição número 52 do Boletim Oficial de 1933 (sábado, 26 de Dezembro) é publicado o decreto nº 27:195 "determinando que no frontespício dos boletins Oficiais de todas as colónia e respectivos suplementos, seja impresso, entre a palavra «Boletim» e a palavra «Oficial» o escudo nacional, que não poderá ser substituído pelo brasão da colónia ou quaisquer outros emblemas".
Ora o que veio a acontecer foi exactamente o contrário. Nessa edição o Boletim Oficial de Macau surge com o brasão da colónia....
Agradecimentos: Armando Cação

Sem comentários:

Publicar um comentário