sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Uma Estória em Patois

Soldado Serafim
Serafim sãn unga soldado di nosso Exército Português qui já vem p’ra Macau assentá praça, na Fortaleza di Monte.Unga dia, Comandanti chomá ele p’ra su gabinete e falá assi:“Soldado Serafim, iou teng unga missão ui-di importante p’ra vos cumpri! Sã unga carta ui-di confidencial qui iou já iscreve para o Sium Pisidente di Leal Senado. Vos azinha-azinha vai entrega istunga carta cavá volta mostra iou protocolo assinado. Ouvi nunca?!?”“Sim, Sium Comandanti! … Dá licença?” …Serafim baté pala, fazê meia-volta volver, e marcha sai di gabinete di comandante.Cá fora, Serafim tremê de mêdo... “Qui ramêde… iou nun sabi ondi ficá Leal Senado… iou novo-novo chega como logo sabi?. Se fazâ asneira, certamente há-di fica ferrado!”Cuza logo faze, tropa falá sã teng qui desenrasca.
Serafim pirgunta A – “Iou nom sabi”… pirgunta B “Ahnnn parece qui…” “Ayaaa – pensa Serafim... ”vosotro todo vai chera corda-nã… Iou vai tesa peito e onçong logo vai encontra… Macau nunca sã grandi nunca sã”?E pega su bicicleta, descê Baixo Monte e quando chega Cinema Capitol, olá direita e olá esquerda… mas non sabi qual lado vira… e agora?De repenti, logo na porta di Cinema Capitol ele olá unga china acocorado, con dois cesto na châm.Sarafim aproxima dele e falá com ar de tiro-grande – ele sã tropa, cidadán teng de obedecer:- Ouvi, vôs sabi ondi fica Leal Senado?China non sabi português, olá p’ra Serafim e gritá: Lá longi… lá longi!- Ahn? Qui cuza? Fica longi?E china torna grita: Lá longi… lá longi!Sarafim torna pirgunta: Lá longi … p’ra ali? E aponta p’ra lado di Igreja de S. Domingos…E china contiua grita: Lá longi… lá longi!E Serafim vai anda p’ra lado de S. Domingos… mas, quando chega na meio, ouvi china torna gritá: “Fica qui… fica qui!” Sarafim volta p’ra trás novamente, ui-di reva, pirgunta china:“Oh pá, vos tá brinca com iou? Iou non teng tempo p’ra bricadera, ouvi nunca?”E china torna grita: Lá longi… Lá longi …. e cavá “Fica qui! Fica qui!”…“Ai, vôs mufino! querê brinca co tropa?” E Pronto! Serafim perde cabeça e dá unga grandi chapada na china…China pelêng-polông cai na chám e começa berra “Aiooohhhhhh... Kau meng-háaaaaaa… ngau sok dále genti…. quim vem acudi iou“...Na confusán chega puliça-pau e levá tudo dois p’ra esquadra.Na esquadra, Sium Comissário Piteira pirgunta Serafim:“Qui cuza vos dále china?”“Iou dále china porque china goza iou” e conta tudo tin-tin por tin-tin p’ra comissário.Na fim, Comissário Piteira, bota mang na cabeça e fala:“Ayaaaa…Vos já confundi cu co calçam já! China nunca sãn goza vos, ele non sabi português… ele falá ele vende LARANJA e FIGO-CÁQUI!
13/07/2007, Texto de Fausto Manhão

Sem comentários:

Publicar um comentário