terça-feira, 24 de março de 2009

Monsenhor Manuel Teixeira (1912-2003)



Nascido em Freixo de Espada à Cinta em 1912 após a conclusão da instrução primária na sua terra natal, partiu para Macau, onde ingressou no Seminário de S. José. "Cheguei a Macau, numa segunda-feira, 27 de Outubro de 1924, vindo de Hong Kong no vapor Sui-Tai."
Passou a maior parte da vida em Macau onde se tornou uma espécie de historiador oficioso. A sua obra - mais de uma centena de títulos - está traduzida em várias línguas e é imprenscindível a todos quantos pretendam estudar a história da presença portuguesa em Macau.
Regressou a Portugal a 16 de Maio de 2001 e viria a falecer a 15 de Setembro de 2003 em Chaves. A sua vida dava um filme!
"O homem é pó, a fama é fumo e o fim é cinza (…) só os meus livros permanecerão (…) e essa é a minha consolação!" disse um dia...

Sem comentários:

Publicar um comentário