quinta-feira, 19 de março de 2009

China Clipper - avião e filme


Filme de 1936 onde Humprey Boggart, ainda actor secundário, tenta aterrar em Macau durante um tufão.
Há o filme e há o avião...
Hidroavião de transporte de longo alcance M-130, para cinco tripulantes. O Martin M-130 foi uma aeronave onde verdadeiramente a fama superou em muito o número produzido.
Projectado e produzido pela Companhia Glenn L. Martin, este hidroavião fez o seu vôo inaugural em dezembro de 1934, e tinha como objectivo atender o interesse da Pan American Airways numa aeronave para travessia trans-oceânica. O M-130 era todo em metal com linhas aerodinâmicas modernas e motores potentes para se enquadrar nas especificações de alcance e carga da Pan Am. Apenas três unidades foram fabricadas e vendidas à Pan Am. Para a Martin, o M-130 era conhecido como Transporte Trans-oceânico Martin, porém para o público ficou conhecido como "China Clipper".
Em 1942, as aeronaves foram destacadas para serviço de guerra, como aeronaves de transportes da Marinha Americana, porém não receberam designação naval. O modelo M-130 tinha quatro motores Pratt & Whitney R-1830 com 830HP de potência cada. A envergadura era de 39,62m e o comprimento de 27,62m. Suportava peso máximo de decolagem de 23.590Kg; atingia a velocidade máxima de 322Km/h, com alcance de 5.150Km e teto de 5.330m. A aeronave não teve armamento instalado e possuia 46 assentos.

Sem comentários:

Publicar um comentário