quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Prémio escolar "Rodrigo Rodrigues": 1928

Prémio escolar "Rodrigo Rodrigues", instituído pelo Leal Senado de Macau a 26 de Junho de 1928 e Programa de récita no Teatro D. Pedro V de Macau, cujo produto era destinado à iniciação do prémio. Na toponímia local o seu legado ficou lembrado numa avenida.

Rodrigo José Rodrigues (1879-1963), formou-se em 1902 como médico. Seguiu a carreira  de oficial do exército com ser­viços prestados em Cabo Verde (1903) e na Índia (1904-1910). Desempenhou ainda os cargos de reitor do Liceu de Goa e de professor da Escola Médica local, de director penitenciário (a partir de 1910), de membro do Conselho Colonial (1912-1919), de administrador e director das prisões (1919), e de ins­pector das Escolas Primárias Superiores (até 1926). Ao nível político foi sempre filiado no Partido Republicano Português. Membro da Liga Académica Republicana, viria a ser governador civil de Aveiro e do Porto (1911), e deputado por esta cidade (1913). Teve ainda a seu cargo a pasta do Interior entre 1913 e 1914. Regressou à Câmara dos Deputados em representa­ção de Lisboa (1915, 1921 e 1922). Preso em 1918, viria ainda a ser governador de Macau (o primeiro civil), entre 1922 a 1924, e secretário da delegação portuguesa à Sociedade das Nações, entre 1925 e 1927. Demitido do serviço pela Dita­dura Militar, passou à reforma como capitão-médico. Foi autor de vasta biblio­grafia. 
Assinatura de Rodrigo Rodrigues (governador) em 1924 e notícia da morte em 1963

Sem comentários:

Publicar um comentário