quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Teatro Capitol: filmes dos anos 30 e 50

O "Capitol" na Rua de S. Domingos
 
Jornal A Voz de Macau de 7 de Janeiro de 1937
10 e 11 de Outubro de 1939: em exibição "Gunga Din" com 4 sessões diárias às 14:30, 17:30. 19:30 e 21:30
Este panfleto tem a particularidade de incluir dois anúncios: Central Radio Service, no nº 61 da Av. Almeida Ribeiro (telefonias e afins) e Dr. T. C. Lei, cirurgião-dentista que fazia "extracção e obturação de dentes sem dor" no consultório à rua de S. Domingos.

Havia 4 tipos de bilhetes: galeria, 1ª, 2ª e 3ª classes. O mais caro custava 80 avos. Soldados e cabos tinham acesso à primeira classe a preço especial (30 avos), excepto na sessão das 21:30, porventura a mais concorrida. Para isso tinham de se apresentar fardados.
"Kim": filme estreado a 1 de Janeiro de 1957. Nesta época o número de telefone do teatro passara de 552 para 3552.
O primeiro filme estrangeiro com legendas em português 'inseridas' na própria película foi projectado neste cinema em Setembro de 1955 no filme francês "O Salário do Medo". Na altura esta esta a configuração dos lugares (837) da sala.
O "Capitol" foi inaugurado a 13 de Abril de 1931. Em baixo um folheto de Maio de 1939 relativo ao filme "Always Goodbye" / "Mais uma vez, Adeus". Para além dos anuncios já referidos inclui mais dois: o leite condensado "Longevity" à venda na casa Hung Hing na rua do Guimarães e "Coldair, o refrigerador da moda" e "único digno desse nome" à venda na Melco.
As sessões começavam com a reprodução de alguns discos seguidas de um pequeno bloco de notícias, neste caso dos norte-americanos da Fox.

Nota: são muitos os post's publicados sobre o cinema em Macau; sugiro a utilização do campo de pesquisa e deixo como sugestão de leitura este

Sem comentários:

Publicar um comentário