segunda-feira, 25 de novembro de 2019

Museu Marítimo: tudo começou há 100 anos

A criação em Macau de um museu dedicado ao estudo e divulgação das actividades relacionadas com o mar remonta ao ano de 1919. Por iniciativa do então adjunto do capitão dos Portos de Macau, primeiro-tenente Artur Leonel Barbosa Carmona, foi criado o espaço no Quartel dos Mouros. O Museu Marítimo e de Pescarias ficou instalado na Capitania dos Portos até ser mudado, em 1934, para o Hangar da Aviação Naval que viria a ser bombardeado em Fevereiro de 1945.
Em 1986, por iniciativa do Comandante António Martins Soares, então capitão dos portos de Macau, uma antiga moradia (de cor verde construída na década 1950) localizada no Largo do Pagode da Barra, foi adaptada para albergar o espólio do Museu. Este espaço foi inaugurado em 1987 (7 de Novembro) com o nome de Museu Marítimo de Macau  e Centro de Estudos Marítimos de Macau mas depressa se tornou pequeno. 
Assim a 24 de Junho de 1990 inaugurava-se um edifício construído de raiz - autoria do arquitecto Carlos Bonina Moreno - que ainda hoje alberga o Museu Marítimo de Macau.
Pode ver um exemplar de um bilhete de entrada no museu na década de 1980 aqui.

Curiosidade: 
Na Exposição Universal de Paris de 1900, foram exibidos cinco modelos à escala de embarcações chinesas que seriam agraciados com Grand Prix na mostra e que faziam parte do espólio do primeiro museu marítimo de Macau, datado de 1919, mas que foram destruídos aquando do bombardeamento do hangar do Porto Exterior em 1945. *
Um desses modelos pode ver-se na imagem do lado esquerdo.

* Em 1950, reconhecendo o erro, o Governo dos EUA indemnizou Portugal num montante superior a 50 milhões de Dólares

The history of the Macau maritime museum dates back to 1919, where the Marine Department had a room of exhibits in what is now its headquarters, in the Moorish Barracks.
In 1934 pieces belonging to the museum were moved to a hangar in the Naval Aviation Centre (outer harbour) destroyed by the attack of the U.S. Navy airplanes in the beggining of 1945.
In 1986, Commander António Martins Soares, the Macao harbour master, proposed the idea of a museum. It opened in a two-storey colonial house from 1950's (green - see photo)  in the Largo do Pagode de Barra in 1987. Because the space was too small, the government decided that they needed a larger area and a new building was built and opened on 24th June 1990.
Sugestão de leitura:
"Museu Marítimo de Macau": de Manuel Bairrão Oleiro e Rui Brito Peixoto, Macau , 1992.

Sem comentários:

Publicar um comentário