sexta-feira, 5 de maio de 2017

Foto-Legenda: Largo do Senado na década 1950

A propósito do post desta semana sobre a estátua do coronel Mesquita, recupero aqui uma imagem do Largo do Senado, o 'coração' da cidade, na década de 1950.
A imagem, feita a partir do edifício dos Correios, retrata o que foi aquela praça entre as décadas de 1940 (inauguração da estátua a 24.6.1940) e 1970 (remoção da estátua em Dezembro de 1966), testemunho da pacatez vivida no território em meados do século XX.
Os edifícios de estilo europeu mantiveram-se até hoje mas actualmente é bem diferente o aspecto da praça: deixou de ter trânsito, no piso sobressai a calçada à portuguesa e também se perdeu a forma triangular onde estava instalada a estátua em bronze. Depois da sua remoção foi criada uma fonte triangular que entretanto também já desapareceu dando lugar a um fontanário em formato circular.
No lado esquerdo vê-se um pequeno troço da Av. Almeida Ribeiro frente ao antigo edifício do Senado e a antiga mercearia e casa de câmbio Soi Cheong (na esquina com a Rua do Dr. Soares, no nº 3 da avenida tb conhecida pelo nome de San Ma Lou). O largo ocupa uma área de quase 4 mil m2 prolongando-se até à igreja de S. Domingos sendo todo espaço e vários edifícios da zona, como o da Santa Casa da Misericórdia, considerado Património Mundial da Humanidade pela Unesco desde 2005.
Largo do Senado no início do séc. XXI

Sem comentários:

Publicar um comentário