sábado, 11 de julho de 2009

Almeida Garret, Jardim S. Francisco, Camões

Este texto gravado junto ao um banco no Jardim de S. Francisco pode, à primeira vista, ser atribuído a Camões, mas isso não é verdade. Faz parte do poema "Camões" escrito por Almeida Garret em 1825. É um excerto (a parte final) do canto dedicado à gruta do poeta.
A data 1883 é, muito provavelmente, o ano em que este jardim foi criado... na altura chamava-se zona de "passeio público" e foi o primeiro de Macau. Um local aprazível... com o rio logo ali ao lado naquele tempo. Eis a explicação do título deste post.

Sem comentários:

Publicar um comentário