quinta-feira, 1 de abril de 2021

Oficiais de Marinha e Governadores

Desde a 'autonomia' face ao Governo da Índia em meados do século 19 - em 1844 o Estado Português da Índia deixou também de administrar os territórios de Macau, Solor e Timor - e até à transferência de soberania em 1999 Macau teve cerca de meia centena de governadores, e desses, cerca de metade (25) eram oficiais de Marinha.
Ferreira do Amaral, Januário Correia de Almeida, Albano de Oliveira, Hugo de Lacerda, Carlos da Maia e Marques Esparteiro são apenas alguns exemplos.
Na toponímia local são evocados alguns destes - e outros - "ilustres marinheiros" que mesmo não tendo sido governadores, desempenharam cargos de relevo em Macau.
Sugestões de leitura:
- "Antigos navegadores e marinheiros ilustres nos monumentos e toponímia de Macau", Obra Social dos Serviços de Marinha, 1984
- "Marinheiros ilustres relacionados com Macau", Manuel Teixeira, Centro de Estudos Marítimos de Macau, 1988

Sem comentários:

Publicar um comentário